Planejamento e Interpretação de Resultados de Testes de Bombeamento

Uma parte fundamental das avaliações hidrogeológicas envolve determinar as propriedades hidrodinâmicas de aquíferos e, para isso, é necessário planejar, executar e interpretar ensaios de bombeamento, que podem ser utilizados tanto para a caracterização de aquíferos quanto para determinar a vazão ótima e avaliar a eficiência operacional de poços de captação.

Os ensaios de bombeamento para caracterização de aquíferos consistem em bombear um poço por um período pré-determinado e medir a taxa de rebaixamento ao longo do tempo em um ou mais poços de observação. Os resultados são interpretados utilizando soluções analíticas conhecidas, tais como Theis, Hantush, Neuman, dentre outras.

Neste curso online de três manhãs (12 horas) serão abordados tanto os aspectos práticos que devem ser considerados para a execução bem-sucedida de ensaios de bombeamento quanto a aplicação de soluções analíticas para interpretar seus resultados.

Durante o treinamento faremos uso do software AquiferTest, que constitui uma excelente ferramenta para auxiliar na interpretação e visualização dos resultados dos ensaios, sejam estes voltados à definição dos parâmetros do aquífero ou à avaliação de eficiência de poços.

Este curso, que combina a teoria por trás dos ensaios com aspectos práticos voltados à sua execução e interpretação, te capacitará a:

  • Planejar seus ensaios de acordo com a necessidade do projeto;
  • Executá-los corretamente, de modo a obter os resultados desejados;
  • Selecionar o método mais adequado para a interpretação dos resultados;
  • Interpretar os resultados de ensaios com a utilização dos diversos métodos disponíveis;
  • Calcular os parâmetros hidrodinâmicos do aquífero;
  • Determinar o tipo de aquífero com base nos resultados obtidos em ensaios; e
  • Avaliar o desempenho e perda de carga em poços de captação.

PÚBLICO-ALVO

O curso é destinado a hidrólogos, geólogos, hidrogeólogos, cientistas ambientais, consultores ambientais, reguladores estaduais ou federais, gestores e tomadores de decisão que lidam com monitoramento de poços d’água e desejam se especializar, atualizar e/ou aprimorar seus conhecimentos em planejamento e interpretação de ensaios de aquíferos. Também são convidados participantes de universidades e centros de pesquisa.

MODALIDADE

Virtual: serão discutidos conteúdos teóricos, exercícios e casos práticos que tratarão de resultados de testes de bombeamento.

DURAÇÃO

O curso será realizado nos dias 19, 20 e 21 de outubro de 2022 e terá duração de 12 horas.

Horário: das 08:00 às 12:00 (horário de São Paulo – UTC-03:00).

REQUISITOS

Espera-se que os participantes tenham uma compreensão básica prévia dos conceitos de hidrogeologia.

Os participantes devem portar seus próprios laptops para o desenvolvimento dos exercícios com os seguintes requisitos mínimos de sistema:

  • Sistema Operacional: Windows 10 Pro ou Enterprise
  • Processador: 32-bit ou 64-bit
  • Disco Rígido: 500 MB de espaço livre para rodar um modelo.
  • Memória RAM: 8GB ou mais* (*recomendado)

NESTE CURSO SERÁ OFERECIDO

  • O conteúdo e o material do curso, em formato digital – PDF.
  • Dados dos exercícios práticos.
  • Licença de treinamento para utilização do software.
  • Certificado de Participação.

MATRÍCULA

Para realizar sua matrícula, basta clicar no botão abaixo e preencher o formulário. Você receberá um e-mail de confirmação. Sua vaga só estará assegurada e sua matrícula concluída após a finalização do pagamento. O valor da matrícula é de R$950,00 (novecentos e cinquenta reais).

 

Inscreva-se já, porque as vagas são limitadas!

 

MAURO PRADO, M.Sc., FGS – Hidrogeólogo

Geólogo formado pela Universidade de São Paulo, com mestrado em Ciências Ambientais pela Universidade de East Anglia, Inglaterra. É especializado em hidrogeologia, abastecimento de água, gerenciamento de recursos hídricos e modelagem matemática de fluxo e transporte de contaminantes em águas subterrâneas. Suas áreas de experiência incluem hidrogeologia aplicada a projetos de mineração, avaliações regionais de recursos hídricos subterrâneos, prospecção de recursos hídricos, gerenciamento de projetos e caracterização de sítios contaminados. Outras áreas de experiência e interesse incluem a perfuração e completação de poços tubulares e poços para dissolução de sal, proteção de aquíferos e aspectos hidrogeológicos relacionados à produção de óleo e gás. Mauro é instrutor nos cursos de modelagem matemática e interpretação de ensaios de aquífero oferecidos pela Water Services and Technologies.